Nos cinemas: Lee Strobel investiga ressurreição de Cristo em filme imperdível!

0
74

Para salvar seu casamento, um ateu tenta provar se Cristo realmente era o filho de Deus na adaptação cinematográfica do bestseller “Em Defesa de Cristo” (1998). O drama cristão está enviando ondas de choque religiosas em toda parte. Mas qual é a verdadeira história por trás do filme “Em Defesa de Cristo” que teve sua estréia em,14 de setembro, no Brasil? Vamos investigar:

O filme
Vale citar o parecer do Arcebispo de Washington, Donald William Wuerl: “Em Defesa de Cristo nos convida e nos envolve através de uma experiência intelectual e uma jornada de fé. Começa com a esperança de refutar a história de Jesus, a Cruz e a Ressurreição, e termina apenas por encontrar o poder redentor do amor de Deus”.

Lee Patrick Strobel, formado em jornalismo pela Universidade de Missouri e mestre em Direito pela Universidade de Yale, foi  jornalista investigativo premiado e editor do Chicago Tribune. Ateu militante, Strobel aplica suas habilidades jornalísticas e jurídicas para tentar refutar a nova fé cristã de sua esposa, Leslie, causa de problemas em seu casamento, à medida que Leslie se move cada vez mais para uma vida cristã. O relacionamento dos dois, outrora forte, enfrenta grandes obstáculos devido ao ressentimento de Lee diante da fé de Leslie. Ele passa a ver Jesus Cristo como “o outro homem” da relação, e com isso descreve o momento tumultuado que enfrenta. No entanto, perseguindo a maior história da sua carreira, ele se defronta com resultados inesperados que podem mudar o que ele acreditava ser a verdade. E a jornada investigativa de Strobel termina por alterar os rumos da sua vida. Depois de completar uma pesquisa minuciosa após quase dois anos, ele encontra as evidências históricas de Jesus, e então encontra a fé em Cristo.

“Passei toda a minha carreira como jornalista, descobrindo a verdade, até o dia em que minha esposa me apresentou a maior história da minha vida”, explicou Strobel, que também é o produtor do filme.

“Em Defesa de Cristo” (The Case for Christ, 2017), é dirigido por Jon Gunn. Mike Vogel (“Under the Dome”) interpreta Strobel e Erika Christensen (“Parenthood”) como Leslie. Faye Dunaway, vencedora do Oscar, interpreta uma psicóloga que Strobel visita durante sua investigação.

Conhecendo um pouco da obra que deu origem ao filme
“Lee Strobel faz perguntas que um cético ferrenho faria e oferece respostas convincentes a todas elas. Todo pesquisador deve ter e estudar este livro.” Phillip E. Johnson (Escritor e Professor de Direito da Universidade da Califórnia)

O autor rejeita respostas forjadas ou simplistas e apresenta apresenta o testemunho de dezenas de especialistas dentre os mais conceituados do mundo, onde analisa as seguintes evidências:

– Históricas: Temos documentos confiáveis sobre a vida, os ensinos e a ressurreição de Cristo?

– Científicas: Existe fundamentação arqueológica para os relatos sobre Cristo? Ele operou milagres?

– Psiquiátricas: Cristo realmente afirmou ser Deus? Qual a prova de que ele se enquadra no perfil de Deus?

– Digitais: O que a profecia bíblica tem a dizer a respeito de Cristo?

– E outras: A morte de Cristo, o corpo não encontrado, os relatos de testemunhas oculares sobre encontros com ele.

Sumário:

Introdução: Reabrindo a investigação de toda uma vida

Parte 1: Analisando os dados

1 – As provas das testemunhas oculares. Pode-se confiar nas biografias de Jesus? com o Dr. Craig Blomberg

2 – Avaliando o testemunho ocular: As biografias de Jesus resistem à investigação minuciosa? com o Dr. Craig Blomberg

3 – A prova documental: as biografias de Jesus foram preservadas de modo confiável? com o Dr. Bruce Metzger

4 – A prova corroborativa: Existem evidências confiáveis a favor de Jesus além de suas biografias? com o Dr. Edwin Yamauchi

5 – A prova científica: a arqueologia confirma ou contradiz as biografias de Jesus? com o Dr. John McRay

6 – A prova da contestação: O Jesus da História é o mesmo Jesus da fé? com o Dr. Gregory Boyd

Parte 2: Analisando Jesus

7 – A prova de Identidade: Jesus estava realmente convicto de que era o Filho de Deus? com o Dr. Ben Witherington

8 – A prova psicológica: Jesus estava louco quando afirmou ser o Filho de Deus? com o Dr. Gary Collins

9 – A prova do perfil: Jesus apresentou os atributos de Deus? com o Dr. D. A. Carson

10 – Prova das impressões digitais: Jesus – e só ele – enquadra-se no perfil de Messias? com Louis Lapides, Th.M.

Parte 3: Pesquisando a ressurreição

11- A prova Médica: A morte de Jesus foi uma fraude e sua ressurreição, um logro? com o Dr. Alexander Metherell

12 – A prova do corpo desaparecido: o corpo de Jesus realmente desapareceu do túmulo? com o Dr. William Lane Craig

13 – A prova das aparições: Jesus foi visto vivo depois de sua morte na cruz? com o Dr. Gary Habermas

14 – A prova circunstancial: existem fatos secundários que apontam para a ressurreição? com o Dr. J. P. Moreland

Conclusão: O veredicto da História : O que as provas indicam – e o que elas significam hoje?

Referência:
Strobel, Lee. Em Defesa de Cristo: um jornalista ex-ateu investiga as provas da existência de Cristo. São Paulo: Vida, 2017.

http://midiasemmascara.org/author/rodney-eloy/

Rodney Eloy

Loading...